A Assembleia Legislativa de Mato Grosso aprovou nesta terça-feira (23) em segunda votação o projeto de lei 333/2020 que reconhece as atividades religiosas como essenciais, também em tempos como a pandemia.

A matéria é de autoria do ex-deputado Silvio Fávero (em memória), com co-autoria dos deputados Thiago Silva e Sebastião Rezende.

De acordo com o deputado Thiago Silva, que é membro da Assembleia de Deus, esse reconhecimento se faz importante, pois a igreja tem realizado um trabalho social, espiritual de propagar as palavras de fé para milhares de famílias que estão passando por problemas de enfermidades, por conta do coronavírus.

O projeto foi aprovado durante as sessões legislativas de ontem e agora será encaminhar para a sanção do governador Mauro Mendes.

console.log(‘Aud01’);