O agora primeiro secretário da Assembleia Legislativa (ALMT), o deputado Eduardo Botelho (DEM) saiu em defesa do governador Mauro Mendes (DEM) e disparou para cima do deputado federal José Medeiros (Podemos): “Eu acho que o Medeiros não tem tamanho para brigar com o governador!“.

A direta e certeira foi dada na manhã desta sexta-feira (16), no evento de apresentação do estudo técnico, jurídico, econômico e financeiro para a revitalização do Mercado Miguel Sutil (mais conhecido como Mercado Municipal) e requalificação urbana nas regiões das praças Alencastro e Ipiranga, feita pelo prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB).

Mais cedo, ainda nesta sexta, o chefe de Executivo Estadual desceu a paulada em Medeiros, que disse lamentar os ataques que o governador Mauro Mendes vem fazendo ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e a sua gestão. Para o deputado, as críticas são infundadas e demonstram a tentativa de transferir para a União os erros da gestão estadual.

Duro em suas palavras, Mauro rebateu Medeiros. “Lamentavelmente existem alguns políticos, e aí está esse senhor José Medeiros e mais alguns, que prestam um grande desserviço a sociedade. Então eu desafio o senhor José Medeiros, desafio qualquer um. Porra gente, eu publiquei na rede social uma carta do Ministério da Economia. Esses caras mentem descaradamente e continuam mentindo”, disse o governador.
O motivo dessa briga entre Mauro e Medeiros foi porque o deputado alegou jogo político por parte do governado na questão da compra de vacina Russa.
“Em uma ação de marketing visando o processo eleitoral do ano que vem, o governador anunciou a compra de doses da vacina russa Sputnik V, que é usada para combater a covid-19, mesmo sabendo que ela ainda não estava autorizada pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária)”, levantou Medeiros.

console.log(‘Aud01’);