Durante a inauguração de mais um ponto de vacinação na capital cuiabana, o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) disse estar com nojo de posicionamentos políticos tomados por alguns daqueles que constituem o cenário político mato-grossense. Pinheiro destacou sua afeição pelo deputado Wilson Santos (PSDB), o qual trava com o chefe do executivo cuiabano embates há anos. Por fim, idealizou mais projetos com a Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT).

“Fico feliz quando vejo Wilson, com todas as suas experiências… Quantos embates já tivemos na vida pública, entendeu? Então eu sei que Wilson tem uma adoração enorme por mim, assim como tenho por ele. Mas Wilson não deixa as picuinhas os interesses escusos, a vaidade, a arrogância predominar quando está em jogo os interesses de Cuiabá. Nunca percebi isso no Wilson como percebo em autoridades do nosso estado, como percebo em autoridades que fazem questão, quanto pior, melhor. Ferra o prefeito Emanuel, joga a população contra o prefeito, que ainda vamos ganhar de alguma forma. Isso é nojento. Isso é repugnante e eu não pratico esse tipo de política“, enfatizou o emedebista.

Emanuel elogiou o trabalho do presidente da ALMT, o deputado Max Russi (PSB) e do 1º secretário da casa, o deputado Eduardo Botelho (DEM), na tarde de sexta-feira (23) aos arredores do palácio Dante de Oliveira, com a inauguração de mais um posto de vacinação para a Covid-19, que irá funcionar no Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros, anexo à sede do Parlamento estadual. O Prefeito cuiabano que discursava sobre a nova conquista, aproveitou da situação para alfinetar o contexto político no estado. Emanuel rasgou elogios para Russi, Botelho e até Wilson com quem já teve inimizades, mas, se disse enojado com a atuação de outros personagens do cenário diante da arrogância e interesses escusos, como disse o gestor.

Maxi, você é um baita de um político. Primeiro que você consegue equilibrar em uma linha muito tênue que movimenta o cenário político mato-grossense hoje. Todos os palácios gostam de você. Tenho visto os esforços do Botelho, f

O prefeito, assim, justificou sua parceria com aqueles que estavam presentes no evento, como a desembargadora Maria Helena Bezerra, o Procurador Alexandre Guedes, o deputado federal Emanuelzinho (PTB) entre outros, e a união dos poderes.

Por isso que me associo às pessoas de bem, aos poderes de bem. Aos poderes judiciários, ao nosso Ministério Público, a defensoria pública, a nossa Câmara Municipal com esse vereadores de bem e a está assembleia que tem m presidente tremendamente habilidoso, que procurou a gente que se colocou a disposição. Planejamos faz tempo essa unidade que vai ajudar a acelerar a vacinação e aproveito“, conta Pinheiro.

Por fim, destacou uma nova ideia para o bairro Pedra 90 e a necessidade de auxílio da ALMT, diante da situação financeira da prefeitura, “Maxi, vamos abrir uma no Pedra 90. A Prefeitura de Cuiabá está sem dinheiro, nós precisamos de apoio. A Ozenira está conversando com a sua equipe. Eu queria que você autorizasse, se puder, a abrir o posto de vacinação no Pedra 90, pode ter certeza que não terei nenhuma vergonha em aceitar e te agradecer em público, dizer que você tem agido com muita justiça e muita lealdade com Cuiabá“, pediu o gestor.

console.log(‘Aud01’);