O governador, Mauro Mendes (DEM), afirmou na tarde desta quinta-feira (18), que o prefeito, Emanuel Pinheiro (MDB), está tomando uma saraivada de derrotas jurídicas, após tentar barrar a troca de modal do transporte, Veículo Leves sobre Trilhos (VLT) para o Ônibus de Trânsito Rápido (BRT).

“O prefeito (Emanuel Pinheiro), prometeu uma guerra jurídica e está tomando uma saraivada jurídica aí, porque ele perdeu, está 5×0 para tudo que ele entrou até agora”, disse o governador.

Mendes ainda afirmou que a análise realizada para a troca foi totalmente técnica.

“Então, a decisão foi técnica. Ela é muito boa e estamos muito tranquilos quanto a isso. Ela é boa para a cidade, ela é boa para a população, ela é boa para Mato Grosso. Eu como governador, ele como prefeito, fica ai fazendo a média dele, tentando fazer a média com a população cuiabana”, disse ele.

Mauro concluiu dizendo que a escolha de defesa do prefeito da capital, quanto ao VLT é totalmente errada, pois a obra é classificado como o ‘filho’ da corrupção.

“Ele tá defendendo algo que é errado gente, isso é o filho da corrupção que ele quer manter vivo. E eu quero matar todos os filhos, pais e mães da corrupção “, afirmou.