TCE-MT

O Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (MT),  acatou o pedido do vereador Junior Mendonca (PT) de Rondonópolis e concedeu uma ordem suspendendo a licitação realizada pela prefeitura no dia 25 do mês passado.  O certame teve como propósito contratar prestadores de serviços e mão de obra para serviços meio na cidade, porteiros, maqueiros, motoristas entre outras.

Veja aqui!

A Representação de Natureza Externa impetrada pelo vereador ocorreu em virtude do entendimento de que cooperativas não são o melhor molde de prestadora a ser contratada pelo serviço público, pois não respeitam os direitos dos trabalhadores.

A redação do site MATO GROSSO MAIS entrou em contato com a prefeitura de Rondonópolis para saber que medidas devem ser tomadas a partir de agora, porém até o fechamento desta matéria não obtivemos resposta.

Participaram da licitação, além de outras empresas, as duas cooperativas que já prestam serviços para a prefeitura de Rondonópolis, Conser e Coopervale.