O fusca é um carro emblemático que chama a atenção por onde passa. Ainda nos dias atuais faz sucesso entre os amantes de carro. Ele foi inventado para suprir uma necessidade ocasionada pela guerra, com sistema inovador de arrefecimento, dessa forma, propôs uma nova dinâmica automobilística aos combatentes da Segunda Guerra Mundial. Nesse sistema mecânico não havia o superaquecimento do carro em razão da falta de água, fato que impulsionou ainda mais a campanha nazista na Guerra. De qualquer modo, o fusca foi e vem sendo um marco na indústria automobilística: “é mais que um carro, é história viva”, afirma Fernando Siqueira Carvalho.

O fusca começou a ser comercializado no Brasil na década de 1950. As peças eram trazidas da Alemanha e montadas aqui; foi uma febre assim que chegou. Infelizmente, a produção de fuscas no Brasil se encerrou há muitos anos, por conta disso, o encontro de admiradores e colecionadores cresce cada vez mais; paixão que, às vezes, é levada de pai para filho. O último país a produzir o fusca foi o México.

No dia 20 de janeiro é comemorado o Dia Nacional do Fusca. Certamente é um dia de alegria para mim, afirma Fernando Siqueira. Como citado anteriormente, há reuniões de colecionadores e neste dia o carro é comemorado em ritmo de festas e confraternizações.

Este carro foi tão implacável que uma nova versão veio ao mercado e fez muito sucesso da mesma forma, assim como seu antecessor. Sem deixar o charme de seu layout redondo, o Volkswagen New Beetle trouxe muita modernidade. A Volkswagen continua produzindo e os novos modelos possuem sistemas inovadores.

A partir do projeto do queridinho do Brasil, quiçá do mundo, surgiram novos modelos de carro como a Brasília e a Variant. Como citado, em inglês o fusca é conhecido como “besouro” (Beetle). No Rio Grande do Sul é chamado como Fuca e no Paraná como Fuqui, ambos engraçados, brinca Fernando Siqueira.

Após 65 anos de incessantes vendas, o fusca, ou carocha (em Portugal), nos deixa um legado repleto de recordes. Além de se tornar o carro mais vendido do mundo, ocupando a posição que só um carro havia atingido, o Ford Modelo T, o Fusca é considerado o carro mais produzido da história com mais de 21,5 milhões de exemplares vendidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui